Câmara aprova adicional de periculosidade para vigilantes

Trabalhador rural receberá indenização pela falta de abrigos e sanitários
31 de outubro de 2012
Condutor que não conseguiu transferir veículo para seu nome por dívida de um centavo será indenizado
28 de novembro de 2012
Exibir tudo

A Câmara dos Deputados aprovou na última terça-feira (13) projeto que prevê o pagamento de um adicional de periculosidade para vigilantes e seguranças privados, para compor a remuneração mensal desses profissionais. O texto agora segue para sanção presidencial.

Pela proposta, deve ser concedido um benefício extra de 30% sobre o valor do salário. De acordo com o texto, os vigilantes estão expostos a agressões ao fazerem a segurança de pessoas, residências e estabelecimentos.

Atualmente, a legislação trabalhista prevê adicional de periculosidade para trabalhadores em contato permanente com inflamáveis, explosivos e energia elétrica. A Câmara suprimiu trecho do texto aprovado pelo Senado que previa a concessão do benefício a trabalhadores expostos a "acidentes de trânsito e de trabalho".

Fonte: G1 Política

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *